Programa da Afubra, dia 23 de junho de 2018

23, junho de 2018

Através de liminares, as indústrias de cigarros estão conseguindo postergar a vigência da resolução da Anvisa de proibir a adição de sabores ao cigarro brasileiro. O presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Tabaco e secretário da Afubra, Romeu Schneider, fala  sobre este assunto. De outra parte comenta que o cigarro “aquece mas não queima” (o chamado cigarro eletrônico), ao contrário de outros países, é pouco consumido porque ainda não existe uma legislação sobre ele. No Japão, o consumo já chega a 15% do cigarro convencional.

O gerente para Assuntos Ambientais da Afubra, Adalberto Huve, traz detalhes da Consulta Popular que acontece nos dias 26, 27 e 28 de junho. Este ano a votação será somente pela internet. 

 

 

Produção e edição: Elpídio Jair Iser - Departamento Comunicação Afubra

Tags: Tabaco, Câmara Setorial, Cigarros, Aditivo, Consulta Popular

COMPARTILHAR:

Arquivos relacionados:

Arquivo 01 - Clique para baixar

Top