Expoagro Afubra: R$ 60,8 milhões em vendas e 98 mil visitantes

22, março de 2018

A Expoagro Afubra, maior feira do Brasil voltada à agricultura familiar, superou seus recordes de movimentação financeira e público na 18ª edição, que aconteceu no Parque de Exposições em Rincão del Rey, Rio Pardo (RS), entre a última terça-feira (20/3) e hoje (22/3). Os negócios com máquinas, insumos, implementos e produtos da agroindústria movimentaram R$ 60,89 milhões, consolidando um crescimento de 13,2% sobre a edição de 2017. O público que circulou no evento também foi o maior das 18 edições: 98 mil pessoas, com avanço de 6,5% sobre a programação do ano anterior.

 O pavilhão da agricultura familiar abrigou 120 agroindústrias e 25 produtores de artesanato e flores de 90 municípios gaúchos e alcançou a comercialização de R$ 634.355,00 nos três dias de feira. O crescimento foi de 5%.

 Marco Antonio Dornelles, vice-presidente da Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) e coordenador geral da Expoagro Afubra, considera que a feira atendeu às expectativas dos promotores, patrocinadores, expositores e visitantes. Enfatiza que, apesar da chuva na manhã da terça-feira, primeiro dia do evento, toda a programação foi cumprida e o público foi superior ao esperado. Após a primeira avaliação pelos coordenadores, reconhece que o volume de comercialização superou as expectativas.  Estes são alguns dos pontos mais positivos.

 As únicas ressalvas são o estrangulamento dos serviços de internet e telefonia móvel, apesar dos investimentos na instalação de um sistema com cabos de fibra ótica para a transmissão de dados. Por se tratar de uma zona rural e da alta concentração de público entre as 10h e 16h, diariamente, houve dificuldades de conexão e de completar chamadas telefônicas. Estes, destaca, são pontos que continuarão recebendo especial atenção.

 A estrutura do parque suportou bem o aumento do público, apesar de algumas filas em restaurantes e congestionamentos breves nos horários de pico nas saídas da exposição. Cogita a possibilidade de o evento ganhar um quarto dia. Uma análise mais aprofundada será feita pela equipe de trabalho e incluirá imagens aéreas. O objetivo é planejar melhorias para a próxima edição. Também serão avaliadas as pesquisas com os expositores.

Outra expectativa é de contar com o pavilhão das agroindústrias familiares, cuja obra já foi iniciada. Dornelles frisa que será importante a mobilização política da região para garantir a liberação dos recursos orçados.

Outro desejo dos promotores é de que o trevo de acesso na rodovia em frente ao parque seja executado. O projeto já existe no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e também demandará envolvimento político da região para tornar-se realidade.

 

 Jorn. Cleiton Evandro dos Santos – MTb 10.713/Fotos: Draw Produtora/Afubra

Tags: Expoagro Afubra, Diversificação, Solo

COMPARTILHAR:

Top