Lançamento da 18ª Expoagro Afubra reúne autoridades e lideranças

03, março de 2018

A importância a agricultura, principalmente, a familiar e o apoio que o setor necessita foram os principais pontos abordados nos pronunciamentos durante o lançamento da 18ª Expoagro Afubra, realizado ontem, 2 de março, no Parque de Exposições, na localidade de Rincão del Rey, Rio Pardo/RS. Na presença de cerca de 400 pessoas, entre autoridades, lideranças, patrocinadores e imprensa, o vice-presidente da Afubra e coordenador geral da feira, Marco Antonio Dornelles, destacou as parcerias que tornam possível este objetivo em comum e apresentou o tema da feira, a Conservação do Solo.

“O tema conservação do solo não é modismo e nem novidade, mas sim, necessidade em todas as atividades agropecuárias. Na década de 80, com o plantio direto, os agricultores passaram a plantar na palha e muitos abandonaram os terraços de contenção de água e muitas outras práticas de conservação do solo e acabaram enfraquecendo-o. O solo é o maior patrimônio”, disse, Dornelles. Ele ainda agradeceu a palestra do secretário de Agricultura do Estado, Ernani Polo, e destacou que “hoje o Rio Grande do Sul é pioneiro lançando o programa e instituído como lei”.

Ao apresentar as atrações da edição 2018 da feira, Dornelles informou que os preparativos no Parque de Exposições estão intensos e na reta final. “A presença dos expositores, patrocinadores e palestrantes nos estimula para que, a cada ano, sejam buscadas as novidades na área rural. O trabalho é grande e possível somente com o apoio das entidades e municípios que se unem ao objetivo comum de promover a diversificação da agricultura familiar e levar os produtores para prestigiarem a Expoagro Afubra”, finalizou Dornelles.

O secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcísio José Minetto, no início de seu pronunciamento, desejou que a Afubra continue motivada em promover a Expoagro Afubra. “A Expoagro Afubra é fundamental para a agricultura e são importantes as parcerias entre os setores e instituições para que os produtores possam visitar a feira, ver o que tem de novo e o que podem aplicar em suas propriedades para fortalecer a sua profissão e a sua renda”, disse Minetto. Ao concluir, o secretário ainda destacou que “a Afubra contribui para levar o desenvolvimento para a agricultura e o Governo tem a responsabilidade de estar junto para enfrentar os desafios para levar o Rio Grande do Sul a um outro patamar, o do desenvolvimento”.

Ao representar o Legislativo, o deputado estadual Edson Brum, parabenizou a Afubra e seus parceiros pela realização da feira e destacou a luta dos produtores de tabaco “que correm risco de produzir e não ter preço justo no final”. Os deputados federais Alceu Moreira e Luis Carlos Heinze, também enfatizaram a necessidade de apoio aos fumicultores. Heinze afirmou que “o Rio Grande do Sul tem três grandes feiras, Expointer, Expodireto e a Expoagro Afubra que considera a fundamental para a agricultura familiar”. Moreira elogiou a Afubra por “cumprir com o seu papel” e destacou a inauguração do Centro Vocacional da Diversificação da Fumicultura do Vale do Rio Pardo (CVT), junto ao Parque da Expoagro Afubra.

Ao saudar as entidades e patrocinadores parceiros da Afubra na organização da feira, a senadora Ana Amélia Lemos lembrou que participou desde a primeira edição, em 2001. “A Afubra realiza um trabalho de diversificação e de informação e nome da sustentabilidade dos produtores rurais”, destacou, ao destacar também que “todos estamos na mesma trincheira e a região tem deputados estaduais e federais e esta senadora engajados”. Ao finalizar, a senadora afirmou que as autoridades precisam conhecer a realidade do agricultor.

Ao citar a 18ª Expoagro Afubra, o prefeito de Rio Pardo, Rafael Reis Barros, pediu o auxílio aos deputados para que não se repitam os problemas da edição passada, quando os ônibus com produtores foram barrados na estrada pela fiscalização. “Os órgãos competentes devem fiscalizar mas não atrapalhar o acesso dos produtores às informações da feira”, solicitou Barros, afirmando que “se a agricultura é forte, a cidade também é forte”.

PALESTRA – A palestra do lançamento foi do secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação do Rio Grande do Sul (Seapi), Ernani Polo, sobre o Programa Conservar para Produzir Melhor – Solo e Água. O Programa faz parte da Política Estadual de Conservação do Solo e da Água, que tem por objetivo estabelecer programas, diretrizes e instrumentos para a proteção e conservação da qualidade do solo e da água, em harmonia com o desenvolvimento econômico- social, para assegurar a qualidade de vida da população rural e urbana e do meio ambiente do Rio Grande do Sul. O programa é coordenado pela Seapi em parceria com as Secretarias do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Educação e Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperarivismo, com o apoio da Emater. Tem suas ações focadas em recuperar a capacidade de infiltração de água nos solos degradados; reduzir a taxa de erosão, o risco de escassez hídrica a partir da reserva/armazenagem de água no solo e o uso dos inseticidas e herbicidas na agricultura; implantar um programa de pagamento ao produtor de água, como reconhecimento ao agricultor que adota boas práticas conservacionistas; apoiar escolas municipais e estaduais na conscientização dos alunos em relação ao uso, manejo e conservação do solo e da água.

 

Texto: Jorn. Luciana Jost Radtke/Fotos: Junio Nunes

Tags: Expoagro Afubra, Lançamento, Diversificação, Solo

COMPARTILHAR:

Top