Viveiro Florestal da Afubra completa 30 anos

22, março de 2017

Em três décadas de vida é possível fazer história? Se depender da trajetória do Viveiro Agroflorestal da Afubra, a resposta para a pergunta seria, com certeza, sim! Em 2017, enquanto o tema da Expoagro Afubra é Florestas, a unidade completa 30 anos de fundação.

Localizado no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento para Diversificação da Agricultura Familiar, junto ao Parque de Exposições, em Rincão Del Rey, no município de Rio Pardo/RS, o viveiro abriga 1,5 milhão de mudas, entre espécies exóticas e nativas (todas com garantia de procedência). Entre as variedades há florestais madeireiras, agrícolas, ornamentais e medicinais, ou seja, há opções para todos os gostos.

Para a produção, realizada por profissionais da Associação, são utilizadas sementes de alta qualidade genética. O propósito é fornecer plantas que atendam às necessidades dos produtores e, dessa forma, se enquadrem às necessidades do mercado. Por isso, o trabalho de técnicos agrícolas e engenheiro florestal garantem o padrão necessário para mudas florestais usadas em reflorestamentos.

No total são, aproximadamente, 70 espécies. Jaboticabeira, araucária, pitangueira, eucalipto, sibipiruna, araçá vermelho, cedo australiano e pinus são algumas delas. As sementes cultivadas são coletadas por funcionários na região de Santa Cruz do Sul/RS e provêm da bolsa de sementes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), de Santa Maria/RS.

De acordo com o engenheiro florestal da Afubra, Juarez Pedroso, as primeiras mudas produzidas foram entregues em 1987. A iniciativa, pioneira na região, se deu devido aos projetos de educação ambiental desenvolvidos pela entidade já naquela época. Mais tarde, a preocupação foi fornecer espécies florestais energéticas para atender o mercado e possibilitar novas fontes de renda a produtores rurais.

Hoje, segundo Pedroso, o objetivo é incrementar e focar na qualidade do material oferecido. Ao longo dos anos, um dos maiores e mais antigos viveiros florestais do Sul do País tem conquistado reconhecimento em todo o País. Além disso, a parceria público-privada, como com Embrapa e Emater/RS-Ascar, por exemplo, engrandecem o trabalho realizado, com diversas variedades consolidadas entre os produtores.

Em 2017, por exemplo, um dos destaques do espaço é a comercialização de mudas clonais do eucalipto Planflora GPC 23. Apesar da venda já ter ocorrido em outras edições, Pedroso salienta que, dessa vez, as unidades foram produzidas pela própria Afubra, por meio de contrato assinado na terça-feira, primeiro dia da feira, com a Planflora Mudas Florestais, de Concórdia/SC. Iniciativas e parcerias essas que justificam os corredores lotados e as sacolas cheias dos visitantes do viveiro a cada edição da Expoagro Afubra.

NA FEIRA - Assim como nas demais edições, o Viveiro Agroflorestal da Afubra marca presença na Expoagro Afubra 2017, num ambiente com cerca de 600 metros quadrados. É a oportunidade para conhecer, de perto, o trabalho realizado pela Afubra no desenvolvimento e comercialização de novas plantas, além de solicitar informações e esclarecer dúvidas sobre formas de cultivo.

De Canguçu/RS, Celi Rutz, acompanhada da sobrinha Patrícia Rutz Goldbeck e de suas filhas, Gracielly Rutz Neitzke e Camila Rutz Goldbeck, respetivamente, é frequentadora assídua do viveiro. Todos os anos visita a Expoagro Afubra e enche sacolas com novos exemplares. Neste ano será necessário encontrar mais espaço no ônibus da excursão, na qual veio com outros membros da família. Isso, pois deve levar cerca de dez novas mudas para embelezar a propriedade, onde planta soja com o marido.

Neste ano, confessa, nem pensava em adquirir unidades. Mas a beleza, a qualidade e o preço acessível das mudas (eles podem variar de R$ 2 a R$ 25) fez com que mudasse de ideia. São esses apenas alguns aspectos que fazem dos 30 anos do Viveiro Agroflorestal da Afubra uma história de crescimento e sucesso.

Para adquirir os exemplares também é possível realizar encomendas na matriz da Afubra, em Santa Cruz do Sul, e em qualquer uma das filiais, localizadas em diversos municípios dos três estados do Sul do Brasil. Da mesma forma, viveiristas interessados podem solicitar assistência técnica. Confira mais informações em afubra.com.br/viveiro-agroflorestal.

 

Jorn. Heloísa Letícia Poll – MTb/RS 16.24 – Expoagro Afubra 2017

Foto: Luiz Fernando Bertuol/Afubra

Tags: Expoagro Afubra, Diversificação, Feira, Floresta, Viveiro Florestal

COMPARTILHAR:

Top